quinta-feira, abril 14, 2011

Nada de novo


Está sol e, ao mesmo tempo, o país anda cinzento.
Há gente em esplanadas, cafés e restaurantes e, ao mesmo tempo, dizem-nos que os cofres do Estado só aguentam até Maio.
Há pessoas a passarem fome e, ao mesmo tempo, o Algarve e destinos turísticos bem mais paradisíacos estão repletos de tugas.
Três equipas portuguesas estão na fase final de uma importante competição europeia de futebol e, ao mesmo tempo, diariamente são declaradas insolventes várias sociedades comerciais.
O mar continua no sítio e, ao mesmo tempo, ministros de governos europeus dizem que o nosso país é inviável, que teremos de sair da zona euro e que nos temos de acostumar a uma mediocridade que, referem, é inata aos portugueses.
Voltando ao sol, ele tem nascido todos os dias e continuamos, ao mesmo tempo, a não ter culpados pela ruína do país, o PM continua a assobiar para o lado, o PR remete-se ao silêncio ensurdecedor (desilusão).
Conclusão: nada de novo em Portugal.

Imagem: http://alvorecer-escriba.blogspot.com/2010/03/portugal-pais-que-ja-foste.html

7 comentários:

du disse...

convenhamos, meu caro.
se eu fosse cidadão de outro país europeu diria cobras e lagartos de portugal, e podendo fazia explodir ali na área da fronteira Este para empurrar o caco para o mar.

imparcialidade é mais ou menos isto, certo? dizer cá dentro o mesmo que se estivéssemos lá fora.

filipelamas disse...

Sem dúvida. O problema não é o que os outros, acertadamente, dizem de nós. É nós não fazermos o que é acertado... E isso é mesmo um drama.

du disse...

chovendo no molhado, que já o eça atirava umas postas de pescada a este respeito:

a) os estudos dizem que somos dos países que mais trabalha (horas);
b) ao mesmo tempo, dos que menos recebem;

i) a produtividade é baixa;
ii) o país não avança.

concluo, portanto, que:

1) o grande problema está na liderança (Estado & empresas);
2) o povo, apesar de ter a geração mais letrada de sempre, continua não-educado e não aprende nem reforma a classe dominante.
3) olha olha, parece que o marx só não acertava no totobola.

Carla* disse...

O PR diz muita coisa mas só se subscrevermos a sua página no facebook.

filipelamas disse...

Pois é, caro du, mas também não me parece que um novo velhote de barbas resolva a coisa...
Carla, realmente esta história das novas tecnologias é muito conveniente...

du disse...

claro filipe :) limitei-me a constatar que ele faria concorrência ao nostradamus.

já o futre tem o seu potencial...

Carla* disse...

Charters e charters de potencial. Eu acho sempre que assim o nosso Governo seria (ainda mais?) engraçado.