quarta-feira, março 03, 2010

Aussenalster







5 comentários:

Pipette disse...

Que fotografias maravilhosas :D

Duarte canotilho disse...

Que sorte :) é mesmo lindo....

LN disse...

Que saudades de Hamburgo!

(Se bem que o clima no Azerbeijão é mais quente, tem razão na dúvida, lá isso é verdade :))

LN

Daniela Ramalho disse...

Acho que Hamburgo será mais simpático que o Azerbeijão, embora o frio :) Mas, as fotografias com neve tornam de facto o frio apetecível, bem mais do que o frio portuense que não ata nem desata!

rtp disse...

Obrigada, Pipette! :-)
O lago Aussenalter gelado e a perspectiva ao fundo do outro lado da cidade dão belas fotos.
É uma sorte, de facto, Duarte! :-)

Quanto aos comentários de LN e da Daniela Ramalho, talvez fosse importante empregar um “distinguo” (quando o vi pela primeira vez aplicado, falava-se de outras matérias – de índole documental – e não me apercebi de imediato do requinte intelectual que encerra e da utilidade que pode proporcionar! ;-)), havendo que falar do clima e do clima-clima! ;-)
Em qualquer dos domínios, não terei dúvidas a manifestar a minha preferência pelo português! :-)

De qualquer modo, a Daniela tem razão. Aqui não faz de conta que está frio.
Está MESMO muito frio. A mínima ontem foi de 14 graus negativos (!) e as temperaturas não excedem os 2, e graus positivos. Mas, aguenta-se bem o frio, seja no interior dos edifícios (que, como sabia, estão preparados para tal), seja no exterior (esta parte surpreende-me mais, mas terá a ver com a menor humidade do ar?).
Só houve um pequeno percalço com uma queimadura na mão, por insistir em não usar luvas! Mas está resolvido!